U.T.I Neonatal e Pediátrica

Unidade de Terapia Intensiva Neonatal e Pediátrica

UTI Neonatal é um espaço reservado para tratamento de prematuros e de bebês que apresentam algum tipo de problema ao nascer. Nem sempre os bebês internados nas UTI’s neonatais estão doentes. Algumas vezes eles estão apenas crescendo e se tornando aptos para respirar, sugar e deglutir. Este fato necessita de um amadurecimento que só acontece por volta das 34-35 semanas de idade gestacional. Infelizmente, os bebês são vulneráveis, mas ao receber alta ele já é capaz de realizar todas estas funções, na maioria das vezes. Muitas pessoas estão envolvidas neste processo para oferecer o melhor tratamento a estes recém-nascidos.

Quais bebês precisam de UTI?

O tratamento intensivo é, na maioria das vezes, indicado para bebês prematuros – nascidos antes de 9 meses de gestação – ou de baixo peso – com menos de 2,5 Kg. Entretanto, qualquer recém-nascido pode precisar da UTI Neonatal. Grande parte dos casos é de bebês com dificuldade respiratória. Problemas cardíacos, icterícia ou cirurgias também podem exigir cuidados intensivos.

Quanto tempo o bebê precisa ficar na UTI?

O momento tão esperado da alta e a alegria de finalmente poder levar o filho para casa são únicos. Mas isso depende de algumas condições fundamentais para o bebê. As principais são: ter um peso em torno de 02 kg a 2,2 kg; idade gestacional maior que 34 semanas; conseguir sugar toda a dieta; não estar dependente de oxigênio; estar respirando sem dificuldade e estar há uma semana sem apnéias, entre outras.

A participação da mamãe é muito importante para o bebê!

Nessa fase tão delicada, o bebê precisa de todo carinho. A presença dos pais na UTI Neonatal é fundamental. Cada vez que visitam o filho, conversam com ele ou trocam a sua roupinha, estão contribuindo para que ele se recupere mais rápido.

'